sexta-feira, 26 de maio de 2017

Os remedios estão matando nosso povo!! Acorda Brasil!!


 Médicos, suas organizações médicas e as grandes empresas farmacêuticas praticam uma forma sinistra de medicina que diretamente causa sofrimento e dor na vida das pessoas. Assim, não estou surpreso quando James Howard Kunstler escreve que a medicina moderna é uma teia de reféns:
“A medicina é atualmente uma catástrofe tão perniciosa quanto as doenças que ela alega tratar, e uma grave ameaça a qualquer nação que todos devem se preocupar. Se você pensou que o sistema financeiro em nosso tempo era uma teia miserável, o que naturalmente é, e por “teia” quero dizer um complô criminoso, então os chamados “cuidados” com a saúde tem vencido o país por uma milha de distância, com uma camada adicional de sadismo e crueldade utilizada em suas operações. Ninguém no sistema vai dizer exatamente o que qualquer tratamento ou medicamento custa e ninguém quer dizer, porque iria quebrar o feitiço de que eles trabalham em um negócio honesto, legítimo. Os serviços são prestados quando o cliente está sob coação extrema, muitas vezes com risco de vida, e o resultado, mesmo em uma recuperação bem sucedida da doença é a ruína financeira que faz muitas pessoas pensarem que era melhor estar mortas. O sistema é uma engenharia de criminalidade. Está causando a ruína de milhões”.
A maioria das pessoas acreditam que a medicina farmacêutica vigarista com seus remédios de óleo de cobra e todos os efeitos colaterais irá curar suas doenças. Muitas pessoas acreditam nesta fantasia e estão dispostas a ir falência e deixar suas famílias passando dificuldade, desesperada e equivocada em acreditar. O que elas estão comprando é doença, porque a medicina moderna é uma doença, é uma praga e as pessoas morrem em todos os lugares por acreditar nela.
Mesmo se existem boas notícias, quando um paciente com câncer se recupera após ser envenenado com quimioterapia e radioterapia, as más notícias geralmente chegam mais tarde, quando o câncer volta ou acontece uma série de efeitos colaterais como ataques cardíacos.
Artigo Relacionado: A Natureza Fraudulenta da Industria Farmacêutica

Contra Homens Que Acreditam

A religião da medicina está lentamente sendo quebrada quando descobrimos como são fantásticas são as suas fantasias. Quando descobrimos que os juízes do Supremo Tribunal Federal alemão (BGH) confirmaram que o vírus do sarampo NÃO EXISTE, o que é nos leva a pensar sobre a pediatria e a integridade das empresas que fazem as vacinas. Não existe um único estudo científico no mundo que comprove a existência do vírus em qualquer literatura científica. Isto levanta a questão do que realmente foi injetado em milhões de crianças ao longo das últimas décadas. Certamente nada de bom.
Temos médicos que gostam de injetar metais pesados em recém-nascidos e são chamados de pediatras. Os chineses estão denunciando que as vacinas são uma das principais causas do autismo, uma doença que muitas vezes oferece uma vida de tortura para as famílias.
Na primeira vitória judicial de um ação sobre a vacina causar autismo, a família de Hannah Poling recebeu mais de US $ 1,5 milhão para manter seus cuidados, ganhos perdidos, dor e sofrimento, apenas no primeiro ano. Além disto a família receberá mais de US $ 500.000 por ano para pagar os cuidados com Hannah. Em 2002, os pais de Hannah registraram uma reivindicação de autismo causada por vacina no tribunal federal. Cinco anos depois, o governo resolveu o caso antes do julgamento e manteve sob sigilo.
Os advogados que representam a nação Cherokee registraram uma ação judicial contra às principais companhias farmacêuticas, alegando que injetaram analgésicos perigosos na comunidades de nativos americano em Oklahoma.
Não existe fim na loucura médica e todas as maneiras que ela pode voltar para assombrá-lo. Os casos de hepatite C nos Estados Unidos quase triplicaram dentro de um período de cinco anos, atingindo um novo máximo de 15 anos com cerca de 34.000 novas infecções por hepatite C em 2015, informaram as autoridades federais de saúde. Especialistas atribuem as taxas mais altas a mais uso de drogas injetáveis.
Os americanos no CDC e FDA preferem encobrir tudo e deixar o massacre de mentes e corações continuar. O FDA realmente “certificou” que foi enviada uma carta anonimamente pela equipe em 2009 para o presidente Obama descrevendo que a “corrupção sistêmica e irregularidades estão infiltradas todos os níveis da FDA“.
Um estudo de 2017 na África comparou um grupo de crianças vacinadas para DTP/OPV (difteria, coqueluche, tétano, polio oral) com um grupo não vacinado. Os autores descobriram que existia um risco 10 vezes maior de morte no grupo vacinado em comparação com o grupo não vacinado.
A vacina Gardasil da Merck causa morte, colapso e doenças crônicas em mulheres, adolescentes e meninas, incluindo uma nova e nunca descrita “doença” chamada Juvenile ALS, uma condição fatal em que o sistema nervoso é lentamente destruído enquanto a consciência permanece intacta.
Na vacina multidose contra a gripe, existe uma enorme quantidade de 51.000 ppb (partes por bilhão) de mercúrio, o tipo mais comum de vacina aplicada contra a gripe. Quanto é 51.000 ppb? É 25.000 vezes o máximo legal para o mercúrio em água potável estabelecida pela Agência de Proteção Ambiental. Tenha em mente que quando você injeta o mercúrio, ele é 100% absorvido, por isto é mais tóxico injetá-lo do que comer no peixe ou beber na água. Os pediatras se levantam contra o CDC e reclamam ?
Artigo Relacionado: Vitamina D é Mais Eficaz que a Vacina Contra a Gripe
Para aqueles que pensam que as vacinas são seguras e os pediatras são santos de casacos brancos, saibam que o governo dos Estados Unidos, a partir de 6 de agosto de 2008, pagou 1,8 bilhões de dólares (US $ 1.804.415.262,35) aos pais que trouxeram os casos de seus filhos mortos por vacinas ou severamente prejudicados (autismo) pelo Programa Nacional de Compensação de Lesões por Vacinas.



Os grandes laboratórios produzem drogas que matam e ferem centenas de milhares de pessoas por ano, mesmo quando consumidas corretamente como prescritas e são protegidos por governos, políticos e autoridades médicas arrogantes.
Obamacare e todo o paradigma do sistema médico está empurrando garganta abaixo a medicina ocidental para todos. Karl Denninger fala sobre Obamacare: “Mas que serve para todos os outros” estes “planos não são nada mais do que roubo financeiro”. “A cada passo, o sistema médico é ajustado para perpetuar a fraude contra os contribuintes, contra os pacientes e contra as seguradoras”. Escreveu Mike Shedlock.

Conclusão

A medicina contemporânea tornou-se a prática do terrorismo farmacêutico. Muitos médicos pensam que sabem melhor sobre como as vidas de outras pessoas devem ser vividas ou terminadas. “A FDA assumiu para si o poder de Deus, exigindo que sua aprovação oficial seja obtida antes que qualquer substância possa legalmente ser usada na prevenção e tratamento da doença. O controle legal regulador da FDA é, portanto, totalitário e napoleônico. O que ele não permite explicitamente como um medicamento é implicitamente proibido”, escreve Sayer Ji, fundador da GreenMedInfo.com.


Os piores terroristas são naturalmente, aqueles que não admitem que são. A medicina mata mais pessoas do que qualquer outra forma de terrorismo. O CDC quer receber poderes policiais para um programa de vacinação obrigatória ? Seja vacinado ou vá para a prisão !
Os radiologistas administram doses quase letais, o que significa que eles colocam seus pacientes de câncer na frente de um pelotão de fuzilamento nuclear quando eles administram radiação como um “tratamento” contra o câncer.
Quando a terapia de radiação é usada para tratar o câncer, uma dose muito grande de radiação, cerca de 5.000.000 milirem (ou 5.000 rem) (50.000 mSv) é direcionada para o local do tumor. Abaixo está um gráfico mostrando que cada dose de tratamento de radiação oferece 2.000.000 milirem, assim com os tratamentos múltiplos que a maioria dos pacientes recebem é fácil ver o quão rápido eles chegam a uma dose fatal. Dez mil mSv é uma dose fatal. Isso é 10.000.000 milirem.


A natureza geral do “mal” é não medir as consequências do efeito que nossas ações têm nos sentimentos e no mundo emocional dos outros. Os médicos não têm desculpa para todas as pessoas que eles matam a cada ano, pelo menos nos Estados Unidos onde as estatísticas são mantidas e publicadas.
O destino da medicina está nas mãos de gananciosos, executivos totalmente enlouquecidos de grandes empresas farmacêuticas em conluio com a FDA e os médicos que estão empenhados em conseguir tantas pessoas quanto possível para prescrever suas drogas perigosas.
O terrorismo farmacêutico é um termo que eu cunhei há 14 anos quando publiquei “Cry of the Heart”, um livro sobre a situação trágica centrada no programa de vacinação infantil. Este trabalho alcançou sua expressão plena em “The Terror of Pediatric Medicine”.
Dr. Viera Scheibner nos dá uma explicação de por que alguns médicos desceram a um estado tão baixo. “A incapacidade de ouvir e observar a verdade criou uma raça de médicos que infligem a doença ao invés da cura, que se tornam acusadores em vez de ajudantes e que, em última instância, estão apenas encobrindo, consciente ou inconscientemente, mas com frequência assustadoramente crescente, os desastres criados por suas invenções inúteis e mortíferas e prescrições hipócritas”.
Enquanto os grandes laboratórios controlarem a medicina, nunca teremos um sistema de saúde que tenha interesse em ensinar as pessoas a serem saudáveis. Enquanto o lucro estiver acima da doença, as corporações sempre vão encontrar formas criativas de atrair pessoas repugnantes para prescrever suas drogas perigosas, cirurgias, quimioterapia e tratamentos de radiação para não mencionar todos os seus perigosos exames (CAT Scans), onde eles não podem sequer controlar as dosagens de radiação que a maioria dos pacientes recebe.
Origem: drsircus

OBS: Com o objetivo de facilitar a leitura alguns dos links estão acionando a tradução do google, caso alguém deseja ver o texto original é só clicar no botão “original”.
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível ☼

A “Luz é Invencível” tem por norma não publicar comentários com links.
Pedimos a compreensão de todos, para qualquer dúvida temos nossa caixa de sugestões onde todos podem livremente fazer suas colocações. Agradecemos a compreensão de todos.
Equipe da “Luz é Invencível”.

quinta-feira, 25 de maio de 2017

O nascimento de um novo tempo



O nascimento de um novo tempo
Print Friendly
No interior do território brasileiro o Centro Oeste e o Planalto Central estão predestinados ao surgimento da Sétima Raça, dali acontecer o surgimento uma nova civilização – a Raça Dourada.
Visualizando o mapa do Brasil ele assemelha a um triangulo com o vértice para baixo. E o Triângulo um polígono que tem três ângulos e três lados (e, neste caso o isóscele com três lados iguais), por detrás desta definição aparente simples existe toda uma significação, toda uma simbologia, que através das idades, dos séculos e das civilizações, o Homem nunca ignorou e sempre soube respeitar, consciente ou inconscientemente. O simbolismo do triângulo cruza-se com o do número Três. E o Três que tem o seu significado mais amplo irradiado da Matemática Universal, é também universalmente um número fundamental, exprimindo uma ordem intelectual e espiritual – em Deus, no Cosmos e no Homem.
Água e Terra (Femininos, a base do triângulo é em cima e o vértice aponta para baixo/Matéria)… “E viu-se um grande sinal no céu: uma mulher vestida do sol… E deu à luz um filho homem que há de reger todas as nações com vara de ferro; e o seu filho foi arrebatado para Deus e para o seu trono”…


Fogo, Ar  (Masculinos, a base do triângulo é embaixo e o vértice voltado para cima/Espírito)… E do interior do território brasileiro… Deu a luz um filho homem…


No interior do Brasil e dentro de uma região delineada por um triangulo (isóscele) um novo tempo já começa se tornar realidade. Ali a semente para germinar uma nova civilização já foi plantada e já se mostra como o presente buscando o futuro – a Era de Ouro. Esta realidade já se mostra presente pelo o que é ainda inexplicável pela ciência oficial na forma de várias entradas (físicas) para os mundos interiores na região da Chapada dos Guimarães, Serra do Roncador e principalmente, na Barra das Garças (MT); pelo nascimento da cidade de Brasília (GO) como o coração e o centro do poder (temporal), que ainda está aprendendo como se deve conduzir em sintonia com este novo tempo; pelo o que já está sendo construído em parceria com as realidades paralelas na Cidade de Ziguratz, com o seu grande vórtice – “portal”, no Município de Corguinho (MS); pelas vibrações em frequências mais sutilizadas que estão reforçando a construção de um futuro espiritual e vibracional para a humanidade e que estão sendo irradiadas das cidades de Pouso Alto, Itanhandu, Carmo de Minas, Maria da Fé, São Tomé das Letras, Conceição do Rio Verde, Aiuruoca – e, de São Lourenço(MG).
Os triângulos entrelaçados significam o equilíbrio da polaridade da natureza e do espírito, masculino e feminino, luz e escuridão.


E estes dois triângulos quando decompostos surgem os símbolos dos quatro elementos na alquimia, conforme a figura abaixo:


E estrela tetraédrica ao redor do corpo humano como um campo energético – como a Merkabah, ela era também conhecida na antiguidade como a “Carroça da Ascensão”, como o veiculo condutor às realidades paralelas após a transmutação (Imagem da Internet).


Existe uma referência velada na Bíblia sobre o futuro da nação brasileira e do papel que principalmente uma parte do povo brasileiro vai desempenhar em breve – e, que começou acelerar a partir de 2013. No livro do Apocalipse (Revelações) capítulo 12, está escrito:
“E viu-se um grande sinal no céu: uma mulher vestida do sol, tendo a lua debaixo dos seus pés, e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça. E estava grávida, e com dores de parto, e gritava com ânsias de dar à luz. E deu à luz um filho homem que há de reger todas as nações com vara de ferro; e o seu filho foi arrebatado para Deus e para o seu trono”.
A Nação Brasileira (do pau brasil=brasa/fogo, daí o seu nome) é de clima tropical (uma mulher vestida de sol), que na sua fronteira ao sul é delimitada pela Argentina, cujo nome deriva do metal abundante encontrado pelos espanhóis durante sua colonização que foi a prata (Argentum em latim) que em alquimia é o metal correspondente à Lua (tendo a lua debaixo de seus pés). Os pés tem uma posição ao sul do corpo humano, posição geográfica ocupada pela Argentina em relação ao Brasil.
O Brasil divide o espaço e ocupa a maior parte do continente sul americano com os demais doze países da América do Sul, a saber: Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile, Bolívia, Peru, Equador, Colômbia, Venezuela, Guiana, Suriname e Guiana Francesa, (e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça) tendo fronteira com dez deles.
Como já foi anteriormente mencionado, o território do Brasil se assemelha a um triângulo com o vértice para baixo, que está cortado pelos paralelos 15º e 20º marcados em vermelho na imagem abaixo à esquerda, formando o Símbolo da Terra em alquimia. E à direita também abaixo reforçando esta informação, a figura de um triângulo com barras verticais ainda nos Paralelos 15° e 20°, que reproduz o símbolo do elemento feminino Terra (representação do sagrado Feminino, da Deusa Mãe, Geratrix e Nutrix) associado à predestinação do Brasil, que se tornou independente de Portugal em 07 de setembro, no signo de virgem – e, ai novamente a simbologia da Energia da Deusa.


É com o numero “ditando” a forma e com ela pela sua geometria, que o Divino expressa Sua Vontade, utilizando-Se de Leis Universais, para decretar e realizar no mundo das formas ou no plano mais denso da matéria. Realizar através da Matemática e da Geometria Universais oriundas de Planos de intensa Vibração em Luz e em Cor.
Trecho do texto “No Tempo de Deus a Luz Divina plasmando a Forma/Símbolo”, na Pagina Relatos, neste Site… Depois daquele instante de “explosão” esta Luz Consciente começou plasmar uma forma, que nos permitiu perceber mentalmente, que são através das nuanças da cor Nela já codificadas, que Ela primeiro constrói no Plano Superior dentro da Geometria da Manifestação, o que será depois forma-matéria no mundo real. Naquele momento muito especial “vimos” que foram pelas “Pinceladas” percebidas como “Tonalidades” (variações de intensidades em Luz e Cor), que esta Energia Consciente vibrando gerou a forma. Portanto, naquele instante vivemos uma experiência excepcional como uma “consciência de terceira dimensão”, que sintonizada à realidade de outro plano de existência de altíssima vibração, pudemos perceber pelo uso da nossa “visão mental” em “frequência sutilizada”, que a “Luz Viva” utilizando-se da Cor expressou a forma…
Abaixo o simbólico monumento às raças branca, negra e vermelha em Goiânia/Goiás – no Centro Oeste Brasileiro, sinalizando que desta região interiorana do Brasil que surgirá uma nova raça pela fusão das três anteriores e que viverá em um novo ambiente um novo paradigma para cumprir a promessa de que: “haverá um novo céu e uma nova terra” para um povo mais espiritualizado e menos materialista.


De um modo geral cada brasileiro (principalmente o dimensional em compromisso) tem uma enorme responsabilidade em suas mãos para finalizar a sua evolução aqui na Terra, quando todos devem já como um só Povo, uma Nova Raça e uma Nova Consciência permitir que se manifeste o Cristo coletivo – o Cristo Redentor, que como Luz Viva conduzirá a construção deste Novo Tempo – das cinzas do velho surgirá a Nova Era – a Era Dourada.
A bandeira brasileira traz nela desenhados símbolos que sinalizam este Novo Tempo. Em seu interior o circulo azul é o símbolo máximo da Divindade. E nela as suas cores estão também sinalizando posturas para este Novo Ciclo para a humanidade.
A cor Azul representa a Vontade/Poder  de Deus. A cor Amarela representa Sabedoria Espiritual que devem possuir os brasileiros que serão o embrião da sétima raça e esta cor representa ainda o Cristo com sua manifestação sempre presente. A cor Verde representa a abundância da “Mãe Terra” encontrada nas florestas e na fertilidade das terras brasileiras, apesar dos maus tratos e da destruição que se tem com elas. O fundo de cor Branca  representa a Paz que o País faz por onde mantê-la.
E na bandeira nacional a inscrição “Ordem e Progresso“, sempre em Verde com fundo Branco é o lema político do Positivismo: o Amor por princípio e a Ordem por base; o Progresso por fim. Seu sentido é a realização dos ideais republicanos atuais (feminino) em oposição à monarquia existente anteriormente (masculina). As estrelas nelas estampadas representando cada estado, elas também estão associadas às diferentes origens cósmicas destes que ainda na realidade física já se mostram responsáveis, agindo para o nascimento deste Novo tempo.


Abaixo a profecia do 13º Dalai Lama feita antes de sua morte, em 1924, no Tibete.
“No Ano do Tigre e da Terra (1950) a religião e a administração secular do Tibete serão atacadas pelas forças da Fênix Vermelha (o Tibete foi invadido pela China comunista em 1950). O 14º  Dalai Lama e o Panchen Lama serão vencidos pelos invasores. As terras e as propriedades dos mosteiros lamaístas serão distribuídas. Os nobres e as altas personalidades do estado terão suas terras e seus bens confiscados e serão obrigados a servir às forças invasoras. Contudo a grande luz espiritual que há séculos brilha sobre o Tibete não se apagará. Ela aumentará, difundir-se-á e resplandecerá nas Terras da América do Sul e principalmente nas Terras de O Fu Sang (do Brasil), onde será iniciado um novo ciclo de progresso com a nova Sétima Raça Dourada.”

___________________________________

I – Serra do Roncador/MT/BR
Parte do território brasileiro de onde surgirão aqueles que ajudarão construir a Era de Ouro e onde ainda, estão varias entradas físicas para os mundos interiores na região da Chapada dos Guimarães, Serra do Roncador e também, na região da Barra das Garças, em (MT).
Sinais em frequencias especiais já começaram ser emitidos desta região. Pulsações que vibram e sinalizam que já chegou o momento de despertar, de acordar todos aqueles (dimensionais) que estão no aqui e no agora em sintonia e em compromisso com este Novo Ciclo e de agir
Abaixo alguns dos fenômenos próprios desta região, que estão associados às realidades paralelas e que ali são mais comuns – se mostram mais aflorados na realidade física (Imagens da Internet).

    

Em várias partes do globo mesmo depois de varias catástrofes globais, a marcha das civilizações prosseguiu tendo à frente seus chefes ou “líderes espirituais com a responsabilidade de guardar, manter e preservar os valores da Sabedoria Iniciática das Idades. Noé que lido anagramaticamente dá “Eon”, sufixo grego que quer dizer Deus (ou “A Sabedoria Arcaica dos Deuses”), tanto ele quanto diversos outros lideres foram condutores, para que em determinadas épocas civilizações se fizessem em diversos pontos do planeta, predestinados a servirem de berço para o desenvolvimento de vários estágios evolutivos da humanidade.
Este caminhar constante e cíclico da evolução humana pelos continentes, fazendo surgir e desaparecer aqui e acolá poderosas civilizações, dá-se o nome de Itinerário de I.O. – de Isis e Osíris, casal divino que surgiu no Egito, fundando a primeira dinastia dos faraós, que durante muito tempo foi o centro irradiador da iniciação egípcia. Outros centros migratórios de mesma natureza surgiram nas Américas, na Índia e na Costa do Mediterrâneo.
Os primeiros povos que habitaram o Egito foram remanescentes dos Toltecas, cujo império desenvolveu com todo o seu esplendor nas Américas. Os toltecas foram os primeiros habitantes das Américas do Sul e Central, e deles surgiram, com o passar do tempo, os Incas, Maias, Tupis, Caraíbas, Astecas e todas as nações indígenas autóctones de pele vermelha. Ali há muitos milhares de anos construíram diversas cidades e civilizações, sendo uma delas situada no planalto que se estende pelos confins da Amazônia, Mato Grosso, o atual Estado de Tocantins e Goiás.
Os toltecas uma raça soberba alcançou grande desenvolvimento nas artes e na arquitetura e eles foram também essencialmente exímios construtores. Mestres nesta arte, de suas mãos laboriosas surgiram verdadeiros impérios com poder compartilhado através de suas cidades colossais, que hoje estão soterradas pela ação do tempo, mas que vez por outra surgem aos olhos da ciência oficial, como achados arqueológicos de restos de gigantescas cidades. Surgem objetos de cobre, de bronze, de prata e de ouro artisticamente trabalhados e de inscrições rupestres talhadas em rochas e cavernas, que só no Brasil se contam em mais de três mil descobertas e que desconsertam todas as teorias até então antes existentes sobre a história do Brasil e das Américas.
Por ter sido uma região preservada da ultima catástrofe global, muitos estudiosos acreditam que estas magníficas construções estejam soterradas nas florestas brasileiras, mais especificamente na região da Serra do Roncador, em Mato Grosso. Engenhosos e sábios na arte de construir, eles teriam dotado através de sua portentosa civilização comunicações internas entre as suas cidades, na forma de galerias subterrâneas. Em matéria de túneis subterrâneos e misteriosos portais, o Brasil ocupa posição de destaque – um enigma que perturba os arqueólogos (Imagens da Internet).

 

Foi sobrevoando a região da Serra do Roncador que o ex-presidente Getúlio Vargas teria avistado um ponto luminoso perdido na selva, que o teria impulsionado desencadear ao toque de caixa o processo de ocupação do Centro Oeste Brasileiro através da Marcha para o Oeste e da Expedição Roncador Xingu. E foi em época ainda mais anterior explorando ouro nesta região, que quatro bandeiras paulistas, chefiadas por Bartolomeu Bueno da Silva, Prado Siqueira, Felipe Bicudo e Pires de Campos, tiveram, no fim do século XVII, a lendária visão do “Morro dos Martírios” reluzente em ouro e pedras preciosas, despertando a cobiça de portugueses e espanhóis em torno do “El Dourado” brasileiro.
Conforme informações colhidas por estudiosos e pesquisadores, os toltecas saíram em correntes migratórias, mais especificamente para o Peru, México e Centro Oeste Brasileiro. E foram eles os responsáveis pela fase de maior esplendor e glória desta perdida civilização, inclusive, pela famosa e lendária Cidade dos Telhados Resplandecentes, ou Cidade das Portas de Ouro, que para muitos, se situa na região da Serra do Roncador, onde, aliás, em seu encalço, desapareceu o coronel inglês Percival Fawcet, juntamente com seu filho Jak e um acompanhante, em local ali ignorado no ano de 1.925 – um acontecimento que causou grande repercussão na imprensa mundial, despertando calorosos debates sobre o enigma da região (Imagem da Internet).


Esta cidade tolteca na língua tupi era chamada de “Matatu-Araracanga”. Seu ponto de destaque era o magnífico “Templo de Ouro”, edificado no cume de uma colina, que era ao mesmo tempo Templo e Palácio Governamental, sinalizando que dois poderes – o Espiritual e o Temporal ali estavam unidos.
No Estado do Mato Grosso/BR, precisamente na Chapada dos Guimarães, na Serra do Roncador e especialmente na região da Barra das Garças lendas e enigmas atraem arqueólogos, ufólogos e místicos para região. As fontes utilizadas são depoimentos de pesquisadores, índios, sertanistas e habitantes da região que de uma forma ou de outra tiveram contato com os enigmas da Serra do Roncador, que tem esse nome, pois diz a lenda que dentro desta Serra existe vida – existe uma civilização.

_________________________

II – Brasília/GO/BR
Com o seu nascimento “o coração” do poder temporal necessário à construção deste Novo Tempo no mundo real se fez presente e começou “pulsar”, mas por enquanto de “maneira arrítmica” aprendendo se conduzir ainda dissociado do sentido de atemporalidade que deve ser percebido e que deve ser buscado como o verdadeiro motivo de sua presença no aqui e no agora, ajudando a construir Era Dourada.
Iniciada sua construção no ano de 1956, Brasília foi erguida no curto espaço de tempo de três anos e meio, inaugurada no dia 21 de abril de 1960. A transferência da capital para até então o inabitado interior do sertão brasileiro encontrava-se ligada a motivos políticos diversos. Desde o século XVIII, reformadores, revolucionários e estadistas propunham a construção da nova capital como meio de povoar, desenvolver e assegurar a posse do vasto território nacional. De construí-la em pleno cerrado, no interior do Brasil (Imagem da Internet).


A idéia definitiva de transferência da nova capital encontrou fins legais na Constituição de 1891, em seu artigo terceiro, onde ficava estipulada uma área de 14.400 quilômetros quadrados no Planalto Central para a instalação da futura Capital do País, o que permitiria ao governo estabelecer sua soberania por todo o Brasil, ao mesmo tempo em que a mudança propiciaria a integração nacional ao estimular o desenvolvimento de recursos existentes no interior do País, gerando um maior crescimento econômico a partir do centro em direção aos outros pontos do território nacional. Mas, na construção da Cidade de Brasília existiu também a idéia da construção de um Novo Mundo que desencadearia no florescimento de uma grande civilização, legitimada por um legado mitológico que encontrou ressonância em uma visão profética – de Dom Bosco, que em sua honra foi construída uma ermida (Imagem da Internet).


Brasília foi forjada pelo mito e pela idéia da construção de uma cidade com um projeto modernista rico em carga simbólica. Uma cidade sem raízes, povoada por imigrantes e aberta às identidades múltiplas, marcada por um fenômeno urbano singular, responsável por envolver seu planejamento na construção de um espaço síntese, de cruzamento para diversas expressões regionais do país – diálogo entre tradição e vanguarda.
Ela não se revela apenas como lugar qualquer do território nacional, mas insurge também como um espaço mítico na construção da Nação. Cidade projetada em forma de cruz, avião ou pássaro, apresenta-se carregada por fatores simbólicos e embora Juscelino Kubistchek nunca tenha se referido ao caráter neste sentido a capital, deles também nunca se desvencilhou inserido no próprio imaginário popular.


Ligados a esta perspectiva visionária, a arqueóloga e egiptóloga brasileira Iara Kern e o educador e empresário Ernani Figueiras Pimentel, com base em uma pesquisa de seis anos, a figura de Juscelino Kubistchek aparece como reencarnação ou continuação de Akenaton, ambos aproximados por personalidade, ideais e destinos semelhantes.
A cidade antiga de Akenaton (a milenar Tell El-Amarna) e a moderna Brasília de Juscelino Kubistchek colecionam um série de coincidências. O tempo recorde de construção, o centro como local escolhido, a própria espacialidade e aspectos físicos das obras arquitetônicas, a forma de pássaro de asas abertas e o uso da tecnologia avançada empregada para a viabilização dos projetos, tudo coincidentemente sugerindo uma continuidade entre ambas as cidades (Imagens da Internet).

 

Ainda segundo estes dois estudiosos, Juscelino Kubistchek tinha conhecimento de Akenaton e sua cidade no Egito, fazendo uma alusão à obra do antigo Faraó, com a inauguração da nova capital vista como um resgate do passado para o futuro da humanidade.
Caracterizam Brasília o seu horizonte, a farta abundância de cristais em seu sub-solo (e em toda região do Planalto Central), o cruzamento dos eixos, a imagem da cruz como idéia da união com o sagrado, a Praça dos Três Poderes e a Esplanada dos Ministérios, espaços profanamente políticos e centro de decisões do país. E sua espacialidade triangular e a própria sacralidade dos símbolos utilizados por Lúcio Costa no planejamento da cidade, ensejaram também Brasília nesta perspectiva mística e mítica.
As superquadras são o exemplo desta espacialidade pretendida objetivando minimizar as diferenças, espaço de moradia da população, de aspecto e função originais, como forma de habitação coletiva em meio a uma organização doméstica (Imagem da Internet).


A construção da nova capital do Brasil enquanto centro político foi elaborado como o surgimento de algo inteiramente inovador, um novo começo, uma nova origem. Brasília enquanto idéia, foi “elaborada” em torno de noções como Nova Era e Novo Mundo, antecipando uma modernidade ainda inexistente na época do seu planejamento (Imagem da Internet).


A capital e o seu entorno apresentam-se como campo de experimentação e de produção que reúne vários elementos representativos desse Novo Tempo, mas que se liga a outras fontes, além do sentido místico que envolve a sua construção. Emerge no espaço da capital a experimentação, o convívio, a integração de várias sistematizações religiosas oriundas de diversas doutrinas e de outras visões de mundo.
Não apenas surgiram vários grupos religiosos influenciados pela construção da nova capital, como tal fenômeno continua a proliferar. Trata-se de modelos alternativos que se apresentam como respostas a inquietações antigas, movimentos culturais e criativos de experimentação que propõe novos estilos de vida e a emergência de uma nova religiosidade, diversa das grandes religiões tradicionalmente institucionalizadas e com uma flexibilidade em relação à ortodoxia.
Lúcio Costa como o projetista urbanístico e Oscar Niemeyer como o arquiteto das mais importantes edificações de Brasília conseguiram a harmonia plena entre volumes, espaços e formas. A linha do horizonte foi preservada como característica do relevo natural e os seus extensos gramados verdes e os seus jardins coloridos são o tom natural conferindo às edificações, que parecem não ter peso sobre o solo.
Brasília – Civilização Solar, em seus monumentos guarda mistérios intrigantes e coincidências inexplicáveis pela razão humana. Estes enigmas contribuíram para atrair dezenas de sensitivos, crentes, pesquisadores, ufólogos e estudiosos de varias linhas de pensamento para este centro eclético.

Um momento fotográfico de interação com o Sol – “O Olho Cósmico”.

Catedral Metropolitana de Brasília um monumento de 40 metros de altura é sustentado por 16 arcos de concreto armado, circundados por um espelho d’água. Numa coincidência inexplicável, este número de colunas corresponde ao valor da carta “Templo” no Tarot e na Cabala Hebraica, reforçando a teoria de a que a obra foi concebida dentro da simbologia do Egito Antigo.
Logo na entrada, o visitante é recepcionado por quatro evangelistas de Alfredo Ceschiatti: São Mateus, São Lucas, São Marcos e São João. As estátuas de bronze, de três metros de altura, estão dispostas na frente da Catedral, respeitando a concepção dos templos egípcios com estátuas de deuses perfilados à sua entrada (Imagem da Internet).


Quem quiser entrar na Catedral e chegar até a sua nave circular, que fica no subsolo, terá de dar alguns passos sob um túnel de paredes negras e ao nível do chão. Este caminho leva com o seu sentido transcendental a um local para mentalização. Atração garantida para os adeptos da reflexão, autocontrole e equilíbrio interior (Imagem da Internet).


Para muitos a CEB (Companhia Energética de Brasília)  um edifício de 61 metros de altura em forma de pirâmide traz em sua estrutura profundas semelhanças com a pirâmide Sacara, no Egito. Esta pirâmide é a construção piramidal mais antiga do mundo, talhada em pedra, também tem 61 metros a partir do chão, E enquanto a Pirâmide do Egito era um templo que guardava energia cósmica, o prédio da CEB, simboliza o reservatório de energia física da cidade (Imagem da Internet).


O Congresso Nacional onde é palco da maioria das decisões políticas que escrevem o destino do país, ele em sua forma de “H” de pé simboliza o homem ereto, imortal. E o seu encanto continua com as suas linhas arrojadas e de arquitetura moderna, com as suas cúpulas que lembram bacias. A que abriga o plenário da Câmara é a convexa e a que abriga o Senado é a côncava.
No dia 21 de abril, aniversário de Brasília, surge uma paisagem única deste dia. Todos os anos a festividade é comemorada com o nascer do sol exatamente dentro do “H” do Congresso Nacional. O mesmo espetáculo acontecia no Antigo Egito, quando no aniversário do Faraó, o sol nascia em cima de seu sarcófago. Será só mais uma simples coincidência? (Imagem da Internet)


A Ponte J.K (Juscelino Kubitscheck) em Brasília que estende sobre o Lago Paranoá com os seus segmentos imersos na água, eles lembram a estrutura do DNA. Ela é mais um símbolo ali construído, que estimula a crença no surgimento de uma nova raça humana – a Sétima Raça Raiz ou a Raça Dourada e Solar (Imagem da Internet).

  

O Ecumenismo é irrestrito do Templo da Boa Vontade, que fica aberto 24 horas para todos os povos, respeitando a sua crença, etnia e filosofia de vida. O Templo da Paz como também é conhecido este monumento em Brasília, o seu interior convida o visitante à reflexão, à interiorização – à sintonia com as vibrações deste Novo Ciclo (Imagens da Internet).

   

Juscelino Kubitschek, idealizador da nova Capital, tirou do papel o projeto de uma cidade inspirada em sonhos e intuições. Ele também um líder como todo dimensional deu corpo físico à Brasília, construindo-a (juntamente com os seus demais companheiros dimensionais)… Agora outros dimensionais já despertos, principalmente os que lá vivem… Se lá estão não é por pura coincidência… Eles devem ter o compromisso consigo e com o Universo, para ajudar Brasília se mostrar de acordo com os verdadeiros anseios deste Novo Ciclo e não se destacar apenas pelas suas construções singulares que servem o poder temporal.
Estes dimensionais também líderes e guardiões de princípios que harmonizam com este Novo Tempo – com a Era dourada, eles devem ser vigilantes e agirem para que Brasília adquira realmente Vida dentro do verdadeiro propósito para o qual foi construída e no qual a percepção de O Coletivo – da União e da Somação, não é compatível com a ganância e com o egoísmo na forma de corrupção alimentada por interesses pessoais que “apodrecem” nas mentes e nos corações tanto de muitos daqueles que ali fazem as leis, quanto daqueles outros que administrativamente os auxiliam.


____________________________

III – Cidade de Ziguratz – Projeto Portal, no município de Corguinho/MS/BR
A cidade de Ziguratz – a “Pérola do Universo” está sendo construída e nela está sendo também construída em parceria tecnológica com as 49 raças extraterrestres a pirâmide escalonada, que gerará o grande vórtice – o “portal” de comunicação com as realidades paralelas.

 

O Projeto Portal é uma “Escola” onde se aprende, também se experiencia e ainda se vivencia momentos regidos por outras leis, que não são mais aplicadas ao mundo físico. A realidade que ali já é vivenciada por dimensionais, exige deles outro linguajar não mais do entendimento próprio da realidade física, mas da percepção que se expressa mais em sintonia às realidades paralelas, quando então as palavras energia, frequência, e vibração são tidas com sentido mais ampliado, extrapolando àquele limitado por uma mente racional que ainda “comandada” pelos sentidos humanos, se volta mais às coisas materiais. A palavra dimensional qualifica cerca de 1/3 da população mundial, que já transmutou e tem a sua origem em outra parte do Universo e não no planeta Terra, que dela são originários os “planetários”, os outros 2/3 da população. A Associação Projeto Portal está situada no Município de Corguinho, em Mato Grosso do Sul.


O dimensional que realmente já começa perceber em sua Essência a Primeira Lei Universal, ele já começa também atingir O Grande Conhecimento e já começa ainda alcançar a percepção do verdadeiro significado do Amor Universal através da Energia Taquionica, que é a soma de todas as formas de energia (emocional/sexual) em sintonia com o Universo.
Ele em sua condição de dimensional e em compromisso já está percebendo ainda, que a verdadeira riqueza não é oriunda de bens materiais, mas que é vinda da “riqueza vibracional” gerada pelo que pensa e pelo que age a partir da Linha B de suas Linhas da Vida, que permite a sua transmutação já livre de oscilações emocionais das Linhas A e C alternativas e que possibilita também ele alcance a Consciência do Amor Universal em seu claro Sentido Vibracional de Unidade – de O Coletivo.
Urandir Fernandes de Oliveira é um pesquisador, ufólogo, líder e dimensional compromissado com ele mesmo e com o Universo através das 49 raças. Ele através do Projeto Portal veio passar informações para que se alcance o domínio de Leis Universais e a manipulação de Frequências Multivibracionais através da Frequência Mental – e, para que se transmute e alcance também as realidades paralelas.


O dimensional do Projeto Portal sabe que em sua condição humana (temporária) pode treinar sua mente e atuar em qualquer uma das frequências mentais, com a mesma facilidade com que atua comumente pelos seus sentidos – pelas suas sensações biológicas. Ele sabe que tudo é apenas questão de treinamento e dedicação, que exige concentração para se atingir resultados satisfatórios, em curto ou em longo prazo.
Com persistência e firme vontade ele pode alcançar a frequência do mental dimensional, quando então já interage consciente com outras dimensões e não fica mais apenas na realidade em que vive, limitado à sua experiência cotidiana de espaço e de tempo. Neste nível de alta vibração ele pode ainda realizar materializações ou desmaterializações de objetos e até mesmo de seu corpo, em nível de frequência mental ainda bem pouco explorado. Nele o seu cérebro está no mínimo com a rotação de 27 a 32 ciclos por segundo
Com a chegada do Novo Ciclo – da Era de Ouro o pesquisador e dimensional do Projeto Portal que já começa interagir mais constante com as realidades paralelas e se informar com os seus parceiros destes outros planos de existência, ele sabe que “o inexplicável” ainda não ao alcance da ciência tradicional, é apenas uma interação entre dimensões, porque nesta condição a “vê” acontecer. As suas habilidades mentais estão associadas ao seu campo eletromagnético (aura), que possuindo sete camadas principais, cada uma delas tem uma freqüência diferente e correspondente a um nível de freqüência cerebral mais própria ao desempenho de uma determinada habilidade, como fotografar o vórtice, trazendo a sua forma energética à realidade física.


Este pesquisador e buscador antes de tudo de si mesmo, ele está procurando interagir de forma mais constante com as realidades paralelas e, para isto, está aprendendo desenvolver a capacidade de armazenar mentalmente um maior percentual de energia, já sabendo que a intensidade desta energia armazenada está ligada ao seu padrão evolutivo. Ele procura ainda amalgamar o racional compatível à lógica própria do intelecto e da terceira dimensão, com a percepção mental que o permite perceber e interagir com os mundos paralelos – àqueles que além do mundo real existem/vibram em outras frequências.

  

O Local onde situa o Complexo Turístico Ziguratz, em Corguinho – Mato Grosso do Sul, ele está entre as coordenadas 19º latitude sul, o que favorece a visualização de ocorrências, que a ciência atual ainda não consegue explicar com a tecnologia que no momento possui. Este local além dos “objetos” que deslocam pelo firmamento em diversos momentos, ele favorece também a presença e uma maior movimentação de campos eletromagnéticos, possibilitando a interação do dimensional com as realidades paralelas.
O ano de 1998 foi o do despertar do dimensional através de sua ativação. Então já ativado o seu campo energético, o ano de 1999 foi para ele um caminhar sempre para frente, um caminhar que não tinha mais retorno. E já na linha de frente a partir do ano de 2000 ele se mostrou com o intuito de se despertar e também de despertar os demais para uma nova visão da realidade, que para expressá-la, preenchendo lagunas deixadas pela ciência tradicional, são necessários conhecimentos e linguagem próprio-universais relacionados às frequências multivibracionais e à vivência multidimensional com “abertura de portais”.


Aquele que verdadeiramente se interioriza, utilizando-se do processo mental, ele consegue gerar um vazio de todas as suas sensações/emoções, possibilitando-o penetrar de forma mais transparente na “Essência de Deus”.
O dimensional que trilha este caminho que é também de transparência, deve exercitar o dialogo construtivo, para obter respostas às suas perguntas que não mais permitem verdades com informações pela metade. Neste seu caminhar dinâmico e sem tanto mais com a dissimulação do “ego”, ele deve verdadeiramente conversar consigo, para “se descobrir”.
Ele que já teve acesso fisicamente à sua “Placa” (entre os anos de 2.000 a 2.011), foi escolhido pelos “Seres” desde épocas mais remotas, para que pudesse interagir diretamente com eles e se fizesse como o seu intermediário/parceiro no plano físico.
A “Placa” quando materializada possui “escrita alquímico-viva” não ambígua através de mais de mil e seiscentos códigos/símbolos e o momento de seu acesso deve ser comemorado como uma conquista de toda humanidade. A frequência vibratória da “Placa” vai gradativamente interagindo com a frequência do dimensional, aumentando o seu discernimento, para que perceba outras realidades que eram até então por ele ignoradas.
O dimensional que acessa a sua “Placa”, ele é “diferentemente levado” para um estado de consciência em que está mentalmente acelerado e mais compatibilizado à quarta dimensão. Assim, no momento em que o vórtice vai sendo formado – ou, “o portal vai sendo aberto”, os códigos vão paralelamente “sendo escritos”/codificados em sua “Placa”, com ele mentalmente sintonizado interagindo com este processo de codificação.


Há muito “já estava escrito” que viria uma “raça” de seres especiais (dimensionais), que nasceriam no meio da população, que teriam uma diferença imensa entre aqueles que já estavam aqui (planetários) e que seriam reconhecidos pelas marcas que teriam em suas testas (símbolo) e em suas mãos (mancha). E especialmente o Brasil foi escolhido para este nascedouro, porque aqui existem muitas cavernas com entradas intraterrenas, o melhor vórtice de energia do planeta ou mesmo do Sistema Solar e uma maior mistura de raças constituindo um povo sensível, receptivo e alegre.
A Terra já está compatibilizada com a frequência da quarta dimensão e nela tudo agora se mostra de forma mais translúcida, dinâmica, vibrátil (acelerada) e automática – e, mentalmente vibrar nesta frequência está cada vez mais de forma clara na consciência humana, dispondo o ser humano ter mais facilmente interação com as realidades paralelas.

 

A Nova Era que se inicia, é da transparência e da ausência de medo, sem mais as presenças de dogmas e do inconcluso que “institucionalizados” por algumas religiões, seitas e também por algumas linhas de pensamento que nada mostram e nem clareiam. Chegou o momento de expor a ignorância para que se mostre o conhecimento consistente e coerente, mesmo que seja o das ciências paralelas, que é ainda desconhecido da maioria das pessoas, para que prevaleça e amplie tanto o horizonte humano do entendimento quanto o da percepção.
Trabalhar com energia vibracional exige muita responsabilidade daquele que a manipula, porque trabalha diretamente com os meridianos de outros indivíduos em uma frequência eletromagnética, que nela o pensamento do manipulador fica registrado. E equilibrar a mente com o coração impulsiona o dimensional no sentido de sua busca em relação à sua memória cósmica e à sua percepção do multidimensional.

 

Como líder de si mesmo o dimensional deve perceber que precisa ser livre no mundo externo-denso em que experiencia, para que possa se informar e obter conhecimentos, que não mais o permitam barganhar em uma relação superficial de trocas e, já procurando caminhar com as suas próprias pernas buscar o seu verdadeiro Ser, para que Nele “mergulhado” já em seu Mundo Interior, perceba-se sintonizado à Sabedoria Universal – e possa também, cumprir com coerência o seu compromisso.
Ele deve começar desmanchar dentro de sua mente o ultrapassado, para que o novo se mostre como consequência. Mas, antes a sua mente e o seu coração devem unir e, para isto, ele precisa aprender a olhar para dentro de si, para perceber que existe apenas uma verdadeira crença – a crença em si mesmo. A crença de um semi-deus que busca o equilíbrio mesmo ainda em sua condição humana, para interagir em harmonia com o Universo. Não ter liberdade para buscar este equilíbrio, é ir contra as Leis Universais.
Quando o dimensional estiver realmente consciente de sua verdadeira realidade e agir de acordo com ela, ele poderá criar tudo o que quiser – e, confirmar o que Cristo Jesus disse: “Vós sois deuses, podeis fazer o que faço e muito mais”.
Este “Momento” que o dimensional desperto ajuda construí-lo é o “Momento da Humanidade”, que foi “costurado” nas Linhas do Tempo para que acontecesse no aqui agora – como uma Grandiosidade Ímpar neste Inicio de Ciclo, que no mundo real não pode ser apenas observada pelo “foco do fenomênico”.
Ninguém é particularmente dono deste “Momento”. Ele é de todos aqueles que constroem esta Nova Visão de Realidade, portanto sem a condição de um ser menos ou mais importante que o outro, mesmo que alguns possam se mostrar nesta condição aos olhos daqueles menos avisados. Todos têm a mesma importância na dinâmica deste “Momento”. As diferenças que aparentemente possam existir, se relacionam à responsabilidade que cada um em sua habilidade extra-sensorial, deve exercê-la para cumprir o seu compromisso.

———————————————–

IV – São Lourenço/MG/BR
A cidade de São Lourenço é a síntese evolucional e vibracional das demais cidades: Pouso Alto, Itanhandu, Carmo de Minas, Maria da Fé, São Tomé das Letras, Conceição do Rio Verde, Aiuruoca. Desta região também interiorana do Brasil, no sul de Minas Gerais, junto ao triangulo mineiro e já praticamente no centro oeste brasileiro, estão sendo irradiadas frequências mais sutilizadas que reforçam a construção de uma Nova Era, como um futuro espiritual e vibracional para a humanidade.
Quando se fala sobre as Eras uma palavra que está com elas associada é “Avatara ou Avatar”. Ela vem do sânscrito Aval, que significa “Aquele que descende de Deus”, ou simplesmente… É a sua “Encarnação”. Assim, é aquele que ocupando um corpo de carne, representa uma manifestação divina na Terra. Também nos textos dos Vedas é citada a palavra Avatara, como a forma singular da Personalidade da Divindade se apresentando na realidade física como a sua  Encarnação. Tais personalidades estão situadas no “mundo espiritual” – no reinado divino, quando transcendem para a criação material assumem então o nome Avatar – a “Descida da Lei”… A consciência dos anjos e de deuses que se projetam na evolução…
O Segundo Principio Universal – o de Correspondência, ele encerra a verdade “o que está em cima é como o que está embaixo e o que está embaixo é como o que está em cima”. De acordo com este Princípio existe uma harmonia, uma correlação e correspondência entre os diferentes planos de Manifestação, Vida e Existência, porque tudo o que está incluído no Universo emana da mesma Fonte.
Era de Touro – Aproximadamente 3000 A.C… Nela teve o Avatara Krishna… A verdadeira personificação da divindade se mostrando com amor (venusiano) e com ele firmando e estruturando.
Era de Áries – Aproximadamente 1500 A.C… Acompanhando os fatos avatáricos mais conhecidos da história da humanidade pode-se citar agora Moisés… O grande condutor e libertador do povo Judeu… Vibrava com o rigor marciano.
Era de Peixes – 7 A.C foi o nascimento do Avatara da Era de Peixes Jeoshua Ben Pandira – Jesus Cristo bíblico… Seu nascimento ocorreu sete anos antes da data oficial como marco inicial zero  da humanidade e ele expressou como tônica principal de sua Era a Vibração do Amor Universal – da verdadeira religião…
Era de Aquário –  Começou a partir de 28 de setembro de 2005 em terras brasileiras, universalmente conforme a tradição que se iniciou no Oriente  e se firmou no Ocidente com seu manancial de conhecimentos passados… E o Avatara de Aquário chama-se Maitréia Buda…
Professor Henrique José de Souza (JHS) – Sociedade Brasileira da Eubiose, ele preparou e anunciou o advento do Avatara da Era de Aquário e também, foi partícipe no despertar da consciência necessária ao atual momento evolutivo da humanidade (Imagem da Internet).


Eubiose ensina viver em perfeita harmonia com as Leis Universais. Em outras palavras, é a ciência da vida – da sabedoria Iniciática das Idades. Ensina vivenciar um conjunto de conhecimentos, cujo objetivo primordial é congregar, construir e religar integralmente as dimensões do sagrado, profano, divino e humano.
A palavra com o sentido de “O Sagrado” aqui expresso, ela provém do latim sacrum e não expressa o sentido estritamente religioso, mas se referencia aos “deuses” e aos Seres de dimensões de mais vibração (Angelicais) e ainda, àquilo que como Lei e já escrito pela Matemática e Geometria Universais não pode deixar de ser cumprido…

1) Cidade de Pouso Alto
Tem como Tônica a Alquimia, o poder de transformar a pedra bruta (alma impura) em pedra filosofal (alma pura). O anjo regente é Mikael, que como hierarquia dos Arcanjos na Cabala cuida das experiências dos povos e nações (Imagem da Internet).


Plasmando a Alquimia sagrada no Sul de Minas a cidade de Pouso Alto possui ligações com a também cidade sagrada de Machu Picchu no Peru, que esparge suas vibrações para o mundo como um chacra (vórtice energético-vibracional). O chacra de referência no corpo humano é o básico/raiz. Machu Picchu é o chacra da Terra da América do Sul. E astrologicamente a cidade de Pouso Alto é regida pelo (Planeta) Sol, possuindo estreitas ligações com o signo de Leão, a força da individualidade em prol da criatividade e do renascimento de uma nova consciência. O (Planeta) Sol possui ligações com o Arcano 22 “O Mundo”, que vibra a síntese e a consciência integral assimilada, despertando a mente angélica.

2) Cidade de Itanhandú
Tem como Tônica a Arte, o poder de transformar o que é feio, sem harmonia, em belezas e perfeições, tanto no plano físico como de alma, rumando para as belezas espirituais. O anjo regente é Gabriel, que como hierarquia dos Anjos na Cabala cuida dos reinos manifestados no estágio atual da evolução: mineral, vegetal, animal e humano (Imagem da Internet).

Plasmando a Arte sagrada no Sul de Minas a cidade de Itanhandú possui ligações com um local sagrado, o deserto de El Moro nos Estados Unidos, que esparge suas vibrações para o mundo como um chacra (vórtice energético-vibracional). O chacra de referência no corpo humano é o esplênico. El Moro é o chacra da Terra da América do Norte. E astrologicamente a cidade de Itanhandú é regida pelo Planeta Lua, possuindo estreitas ligações com o signo de Câncer, a sensibilidade e psiqué vibrando para o renascimento de uma nova consciência. O Planeta Lua possui ligações com o Arcano 2 “A Sacerdotisa”, que vibra todos os segredos do Universo, a benevolência e o Amor Universal, fazendo com que a humanidade possua o direito de adentrar o segredo divino velado em seu livro e chave.

3) Cidade de Carmo de Minas
Tem como Tônica a Ética e a Política, o poder dos valores morais e espirituais em prol da realização verdadeira, a arte guerreira como uma política (poli-ética) com valores sinárquicos (governo espiritual). O anjo regente é Samael, que com a hierarquia das Potências na Cabala  imprimi e realiza o movimento dos astros (Imagem da Internet).


Plasmando a Ética e a Política sagradas no Sul de Minas a cidade de Carmo de Minas possui ligações com a também cidade sagrada de Chichen Itzá no México, que esparge suas vibrações para o mundo como um chacra (vórtice energético-vibracional). O chacra de referência no corpo humano é o umbilical. Chichen Itzá é o chacra da Terra da América Central. E astrologicamente a cidade de Carmo de Minas é regida pelo Planeta Marte, possuindo estreitas ligações com os signos de Áries e Escorpião, a auto-afirmação, realização e força para o renascimento de uma nova consciência. O Planeta Marte possui ligações com o Arcano 11 “A Força”, o equilíbrio entre o espírito e o corpo, representando uma alma pura e harmônica com imenso poder de realização.

4) Cidade de Maria da Fé
Tem como Tônica a Ciência e a Tecnologia, a espiritualidade aliada ao avanço humano concreto, gerando os maravilhosos frutos da Era de Aquário. O anjo regente é Rafael, que como hierarquia das Virtudes na Cabala gera todo o universo da forma (Imagem da Internet).


Plasmando a Ciência e a Tecnologia sagradas no Sul de Minas a cidade de Maria da Fé possui ligações com a também cidade sagrada de Sidney na Austrália, que esparge suas vibrações para o mundo como um chacra (vórtice energético-vibracional). O chacra de referência no corpo humano é o cardíaco. Sidney é o chacra da Terra da Oceania. E astrologicamente a cidade de Maria da Fé é regida pelo Planeta Mercúrio, possuindo estreitas ligações com os signos de Gêmeos e Virgem, a força do intelecto para o renascimento de uma nova consciência. O Planeta Mercúrio possui ligações com o Arcano 17 “A Estrela”, a esperança de um futuro melhor, a humanidade semeando e germinando através do equilíbrio entre mente e coração, conhecimento e  cultura.

5) Cidade de São Tomé das Letras
Tem como Tônica a Literatura, a espiritualidade na escrita, gerando os maravilhosos frutos da Era de aquário. O anjo regente é Saquiel, que como hierarquia das Dominações na Cabala cria e gera os sistemas evolucionais (Imagem da Internet).


Plasmando a Literatura sagrada no Sul de Minas a cidade de São Tomé das Letras possui ligações com a também cidade sagrada de Sintra em Portugal, que esparge suas vibrações para o mundo como um chacra (vórtice energético-vibracional). O chacra de referência no corpo humano é o laríngeo. Sintra é o chacra Europeu da Terra. E astrologicamente a cidade de São Tomé das Letras é regida pelo Planeta Júpiter, possuindo estreitas ligações com os signos de Sagitário e Peixes, a expansão da fé, espiritualidade e conexões superiores entre humano e Deus. O Planeta Júpiter possui ligações com o Arcano 4 “O Imperador”, a estrutura e a consolidação dos valores espirituais da Era de Aquário.

6) Cidade Conceição do Rio Verde
Tem como Tônica a Filosofia, a Religião como “Re-ligar”,  a espiritualidade no templo, gerando os maravilhosos frutos da Era de Aquário. O anjo regente é Anael, que como hierarquia dos Principados na Cabala cuida das experiências evolutivas (Imagem da Internet).


Plasmando a Filosofia e a Religião Sagradas, no Sul de Minas, a cidade de Conceição do Rio Verde possui ligações com a também cidade sagrada do Cairo no Egito, que esparge suas vibrações para o mundo como um chacra (vórtice energético-vibracional). O chacra de referência no corpo humano é o frontal. Cairo é o chacra Africano da Terra. E astrologicamente a cidade de Conceição do Rio Verde é regida pelo Planeta Vênus, possuindo estreitas ligações com os signos de Touro e Libra, o poder de atração da Lei Divina, a humanidade junta em prol de um ideal espiritual. O Planeta Vênus possui ligações com o Arcano 3 “A Imperatriz”, a geração e plasmação de novos valores filosóficos e religiosos integrados a Era de Aquário.

7) Cidade de Aiuruoca
Tem como Tônica a Teurgia/ Taumaturgia, a Medicina do futuro conectada com os anjos e devas. O anjo regente é Cassiel, que como hierarquia dos Tronos na Cabala gera a Vida Universal (Imagem da Internet).


Plasmando a Teurgia e a Medicina sagradas no Sul de Minas, a cidade de Aiuruoca possui ligações com a também cidade sagrada de Sri Nagar na Índia que esparge suas vibrações para o mundo como um chacra (vórtice energético-vibracional). O chacra de referência no corpo humano é o coronal. Sri Nagar é o chacra Asiático da Terra. E astrologicamente a cidade de Aiuruoca é regida pelo Planeta Saturno, possuindo estreitas ligações com os signos de Capricórnio e Aquário, a estruturação e disciplina necessárias para o firmamento da Grande Obra Divina na face da Terra. O Planeta Saturno possui ligações com o Arcano 20 “O Julgamento”, o renascimento e a libertação dos velhos valores para que surja a integração verdadeira na Era de Aquário.

8) Cidade de São Lourenço – A Síntese
Tem como Tônica a “Iluminação”. Todas as hierarquias divinas vibram em São Lourenço. Todas as vibrações das 7 cidades sagradas contribuem com  a “Luz Síntese” que dela emana. A cidade de São Lourenço está conectada com as dimensões espirituais do planeta, os Mundos de Badagas, Duat, Agartha e Shamballah, sempre narrados nos conhecimentos sagrados do Oriente (Imagem da Internet).


Astrologicamente pode-se associar a cidade de São Lourenço aos três planetas exteriores quando são vibrados como consciências espirituais: Plutão, A Vontade Universal como Pai; Netuno, O Amor Universal como Mãe; Urano, A Mente Universal como Filho. E todos os 12 signos pertencem à Cidade de São Lourenço, como se fosse a própria Mãe Divina e seu manto índigo com estrelas, gerando e protegendo tudo e todas as coisas como o Templo síntese de todas as religiões.


O Simbolismo do “Olho do Grande Arquiteto do Universo” que a “tudo e todos vê” pode ser associado à cidade de São Lourenço, que mais as sete cidades sagradas formam a Constelação de Órion, como o portal das Consciências Espirituais e Causais para o Universo Manifestado.

———————————————–

Conclusão:
No Apocalipse… “E viu-se um grande sinal no céu: uma mulher vestida do sol, tendo a lua debaixo dos seus pés, e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça. E estava grávida, e com dores de parto, e gritava com ânsias de dar à luz. E deu à luz um filho homem”… E, na Linguagem Simbólica abaixo que está expressa pela Geometria Sagrada, ela tem o mesmo sentido da profecia que está anteriormente expressa pelas palavras…


a) Roncador – Presenças de Energias Conscientes de outras Realidades – de mundos interiores, que utilizando de tecnologias próprias, já sinalizam com pulsações no mundo real as suas presenças – e também, já mostram com estas vibrações a necessidade desta região despertar para este Novo Ciclo e nele se inserir;

b) Brasília – Com a sua presença no cerrado brasileiro ela está sinalizando que ali já foi plantada a semente para que frutifique uma nova civilização. Com a sua presença na realidade física como o “coração” deste Novo Tempo mesmo ainda “pulsando arritmicamente”, através daqueles que no momento estão fazendo as leis maiores da Nação Brasileira voltadas ainda para o velho e muitas vezes também em seu beneficio, ela está mesmo assim dando condições para que “o filho do homem” se mostre – exista;

c) Ziguratz – É o local onde já se aprende o domínio das Leis Universais e da manipulação de Frequências Multivibracionais, utilizando-se de campos eletromagnéticos e da força mental – do mecanismo cérebro-mente, que também gera o bioplasma, favorecendo interações com as realidades paralelas. Ali o campo é do mental concreto (ainda da forma), que tem na energia densa – na matéria, a sua fonte de uso;

d) São Lourenço e as sete outras cidades – São os locais de onde estão sendo construindo em planos mais sutis e mais divinos, o futuro espiritual e vibracional para a humanidade através de Presenças Angelicais que comunicam a Vontade da Hierarquia Divina para a realidade física e humana, utilizando-se da Linguagem da Matemática e da Geometria Universais, respectivamente com números e formas como os que constam na Cabala, no interior da Torá. Ali o campo é do mental sutil (causal ou abstrato), que tem na energia sutilizada e espiritualizada a sua fonte de interação.

Destes quatro locais no interior do território brasileiro e principalmente das energias em frequências diferentes irradiadas dali, mas que se completam e que se somam, é que a Energia Nascedoura da Nova Era já se mostra na realidade física, vibrando delimitada de dentro da Geometria Sagrada deste Triangulo, para construir uma Civilização com a Nova Visão de Mundo da Era Dourada.
Este Novo Ciclo que se inicia para a humanidade é o do Avatara Maitréia Buda – a Era da Sabedoria pelo Conhecimento… É a Era de se descobrir pelo Mental Concreto e pelo Mental Sutil… De se Universalizar, procurando O Conhecimento em Sintonia à Mente Universal.

Postado por

Eu compartilhei no meu blog pois já visitei estes lugares e muita coisa senti e vivi nestes lugares mágicos de grande energia Dourada!( Iracema Lima Fonseca).

Fontes de informações:
www.olhardireto.com.br/noticias/exibir.asp?…Roncador…
aleidaatração.blogspot.com/…/serra-do-roncador-cidade-dos-telhados.ht
Thoth3126@gmail.com
www.historiaehistoria.com.br/materia.cfm?tb=alunos&id=266
www.portalbrasil.net/brasil_cidades_brasilia.htm
www.authorstream.com/presentation/xlixli-243448-CIVILIZA-O-S
www.niltonschutz.com/A%20Era%20de%20Aquario%20e%20as%207%..
Apostilas do Projeto Portal

UMA OPORTUNIDADE DIVINA

UMA OPORTUNIDADE DIVINA Seres de Cristal Por Sandra M. Luz 06/03/2017 Me coloquei como um canal para os seres estelares e me pe...